Molas

NORMA EN1154

Indica os requisitos especificos para o controlo de portas Molas. Para portas corta fogo é necessária a aprovação por norma
especifica.

NORMA EN1155

Diz respeito aos dispositivos electromagnéticos para o fecho de portas e impõe que a marca CE esteja presente na folha de
instruções e é aceite que a mesma marca esteja sobre o próprio produto.

NORMA EN1158

Relativa a acessórios e ferragens, dispositivos para coordenação de fecho de portas e requisitos e métodos de ensaio.

CERTIFICAÇÃO CE

Para serem vendidos no mercado Europeu, alguns produtos precisam de marca CE, a qual garante que o seu produto seja
compatível com as exigências essenciais das directrizes EU que forem aplicáveis. Os requisitos essenciais para os
produtos da construção prendem-se com a resistência mecânica e estabilidade; a segurança em caso de incêndio; a
higiene, saúde e protecção do ambiente; a segurança na utilização; a protecção contra o ruído; e a economia de energia e
isolamento térmico.

DECRETO LEI 4/2007 DE 8 DE JANEIRO

Transpõe a directiva 89/2006 CEE, que define os procedimentos a adoptar com vista a garantir que os produtos da
construção se revelem adequados ao fim a que se destinam, de modo que os empreendimentos em que venham a ser
aplicados satisfaçam as exigências essenciais. As exigências essenciais dizem respeito, para além da segurança, da
durabilidade e de certos aspectos económicos das construções, à salvaguarda de valores como a saúde e segurança de
pessoas e bens, o património ambiental e a qualidade de vida.

NORMA EN12051

A norma incide no teste dos requisitos de uso, durabilidade, resistencia ao fogo e segurança dos fechos de portas e janelas.

NORMA EN1527

Incide sobre portas de correr e de fole, nas quais apura requisitos como os detalhes da performance, testa os acessórios, os
métodos, mede a massa da porta, a durabilidade e resistencia ao fogo e à corrosão.